Em Curitiba, funcionários dos Correios estão concentrados desde o início da manhã em frente à sede regional da empresa, no Centro (Foto: Sintcom-PR / Divulgação)
Funcionários dos Correios no Paraná fazem nesta quarta-feira (27) uma paralisação de 24 horas. A mobilização faz parte do Calendário Nacional de Lutas e reivindica, entre outros, melhores condições de trabalho e melhorias no plano de saúde, realização de novos concursos, maior segurança nas agências e a recuperação do plano de previdência da categoria.
Segundo o diretor do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios do Paraná (Sintcom-PR), Adaílton Francisco Cardoso, no estado a empresa conta com cerca de 7 mil funcionários, porém nos últimos anos mais de 600 pessoas deixaram os cargos em função de aposentadorias ou para seguir outras carreiras.

“Desde 2011 não houve novas contratações, por isso a necessidade urgente da realização de um concurso para suprir esta defasagem”, apontou.
Em Curitiba, um grupo se reúne em frente à sede regional dos Correios, no Centro.

Com a paralisação, serviços como a entrega de cartas e encomendas deve permanecer suspensa durante toda esta quarta.
De acordo com o sindicato até o fim da manhã os atendimentos estão prejudicados na capital e em cidades como Londrina, Maringá, Cascavel, Ponta Grossa, Pérola, Morretes, Bocaiúva do Sul, Colombo, Matinhos, Praia de Leste, Rio Branco do Sul e Itaperuçu.

.