Equipamento avaliado em R$ 35 mil foi oferecido por R$ 120 na Web (Foto: Reprodução)
Um jovem de 27 anos foi preso por suspeita de furtar um equipamento de rede do governo de Roraima avaliado em R$ 35 mil. Ele colocou o produto em um site de venda nacional e foi descoberto por um servidor do Centro de Tecnologia e Informação (CTI) do estado, que marcou o encontro com o rapaz no bairro Mecejana, zona Oeste de Boa Vista.
O furto ocorreu há uma semana no Museu Integrado de Roraima onde ficava o Switch, equipamento furtado, que serve como um retransmissor de informações.

“Esse aparelho é utilizado para interligar as secretarias do governo e demais órgãos por meio de fibra ótica e custa R$ 35 mil. Como o museu estava em reforma, ele [suspeito] foi lá e retirou o equipamento sem ninguém perceber”, diz um técnico do CTI.

De acordo com ele, o diretor do Centro de Tecnologia encontrou o produto à venda em um site nacional quando navegava pela página. O aparelho era oferecido por R$ 120.

“Ele entrou em contato comigo para saber se realmente era o aparelho que tinha sido furtado. Após avaliar, confirmei ser o que tinha sido levado.

Marcamos um encontro com o vendedor por meio do telefone informado no anúncio e chamamos um policial civil para nos acompanhar”, relata o técnico.
Ao chegar à residência, o suspeito saiu de casa com o aparelho em mãos, momento que foi abordado pelo agente.

“Ele ficou assustado e foi confessando que tinha furtado o equipamento do museu. A série de patrimônio estava raspada e a numeração do aparelho também”, conta.

O jovem, que é usuário de drogas e que já tem passagem pela polícia, foi levado à Central de Flagrantes, no 5° Distrito Policial. Até a publicação desta matéria, ele não havia prestado depoimento.

.