Unicef realiza capacitação para o projeto Selo Unicef Município Aprovado (Foto: Michele Franco/divulgação)
Servidores dos municípios de Rondônia estiveram reunidos em Porto Velho onde participaram na última quarta(13) e nesta quinta(14), de uma capacitação promovida pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). Essa é a segunda etapa do programa Selo UNICEF Município Aprovado, realizado nos nove estados da Amazônia Legal e contou com a participação de 33 pessoas. O Projeto teve inicio em 2013 e será finalizado em novembro desse ano.

Ao todo 610 municípios participam do projeto e em Rondônia são 39 cidades fazendo parte do programa da Unicef. O evento vai ajudar os representantes a montar o plano de ação.

De acordo com a coordenadora do escritório da Unicef, Eliana Almeida. A capacitação é um estimulo para que os municípios continuem realizando ações que vão garantir os direitos de crianças e adolescentes.

“Os municípios que mais conseguirem resultados vão ser reconhecidos e terão o Selo da Unicef, que é internacional. Ele dá mais visibilidade e possibilita aos municípios serem priorizados no recebimento de recursos públicos ou outras formas”, contou Eliana.

Cerca de 33 representantes recebem capacitaçãoda Unicef  (Foto: Michele Franco/Divulgação)
O projeto visa principalmente garantir os direitos de crianças e adolescentes. Os focos principais são: a diminuição da Taxa de Mortalidade Infantil, o aumento do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) e a ampliação da Cobertura Vacinal.

A representante da Unicef destacou também, o modelo Rondoniense que ainda não existe em outros estados. Nele, há uma parceria entre o governo estadual e  as prefeituras, onde uma pessoa indicada pelo governo, cuida e auxilia todos os outros grupos nos municípios.

“Desenvolvemos um sistema online de monitoramento e avaliação onde acompanhamos todos os municípios através de uma equipe técnica, usando os meios de comunicação na internet. Esse grupo orienta o município no processo de planejamento.

Existem atividades e prazos para cumprir e eles vão sendo inseridos no sistema”, explicou Eliana.
Esse ano a capacitação também abordou o tema Aedes aegypti, que é o mosquito transmissor da dengue e de outras doenças.

As ações devem focar na diminuição dos casos de microcefalia, que é causada pelo Zika vírus que é transmitido pelo Aedes aegypti.
O final desta segunda etapa acontece em novembro desse ano quando uma avaliação deve apontar as cidades que obtiveram melhores índices e vão receber o Selo Unicef Município Aprovado.

A capacitação acontece em um hotel localizado na Avenida Governador Jorge Teixeira, 491, Bairro Nossa Senhora das Graças, em Porto Velho
.