Mulher foi enforcada com fio elétrico, diz polícia (Foto: Jamile Alves/G1 AM)
A doméstica, Imerita Martins Barreto, de 38 anos, foi morta na manhã deste domingo (1º). De acordo com a polícia, ela foi estrangulada na residência do ex-marido, na Zona Leste de Manaus. Ele foi visto por vizinhos fugindo do local após o crime.

Segundo informações da Polícia Civil, a doméstica teria ido até a residência para pegar um casal de filhos, de 3 e 5 anos. Na casa, ela e o ex-marido teriam se desentendido e brigado por volta das 8h30.

O imóvel fica no conjunto Ouro Verde, bairro Coroado.   Imerita Barreto foi encontrada morta pela filha, de3 anos (Foto: Reprodução/Facebook)
A polícia informou ainda que o suspeito usou um fio elétrico para cometer o estrangulamento.

Testemunhas relataram aos policiais que o corpo da mulher foi achado pela filha de 3 anos. A menina chamou por parentes que moram no mesmo terreno.

Eles acionaram a Polícia Militar (PM).
De acordo com vizinhos, o ex-marido foi visto deixando a rua antes das 9h.

Ele carregava uma bolsa.
O corpo da vítima foi removido e encaminhado do Instituto Médico Legal (IML).

A Polícia Civil vai investigar o caso.
O sobrinho de Imerita, Adriano Barreto Pereira, de 30 anos, disse ao G1 que eles estavam casados há 6 anos e tinham se separado há cerca de 3 semanas.

“Ele [suspeito] estava desgostoso do relacionamento. Ele deixava exposto nas redes sociais que não estava satisfeito, até que ela resolveu dar um ponto final”, disse o sobrinho.

.