Pacientes foram retrados de macas no corredores nesta sexta-feira (29) (Foto: A. Baeta/ Divulgação)
Sessenta pacientes que se encontravam nos corredores do Hospital Djalma Marques (Socorrão I) foram transferidos, nesta sexta-feira (29), para a Santa Casa da Misericórdia, que fica no Centro de São Luís.   Os pacientes foram transferidos de ambulância.

A realocação foi possibilitada a partir de convênio com a Santa Casa. A ação denominada “Corredor Zero” é coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus) e começou com a transferência de alguns pacientes que se amontoavam nos corredores do Hospital Socorrão l.

O objetivo seria melhorar o atendimento hospitalar e o reforço da humanização com os pacientes da unidade de saúde municipal. O Socorrão recebe, em média, 12 mil atendimentos mensais, em urgências clínicas, cirúrgicas, ortopédicas, neurológicas e neurocirúrgicas com pacientes da capital e do interior do estado.

À medida que os doentes eram transferidos do Socorrão I, as alas das enfermarias da Santa Casa começam a receber os pacientes. Pacientes foram transferidos para o Hospital Santa Casa (Foto: A.

Baeta/ Divulgação)
O Hospital Clementino Moura (Socorrão 2), na Cidade Operária, também será contemplado com o projeto. No entanto, a Prefeitura de São Luís não informou quando a ação começa na unidade de saúde municipal.

InvestimentosComo parte da reestruturação da rede de urgência e emergência, já está em funcionamento desde o dia 21 de março a nova UTI do Socorrão I, que hoje conta com mais 10 leitos – 20 no total – resultado do investimento feito pela Prefeitura de São Luís no hospital, que desde 2006, não passava por reformas físicas. Após o término das reformas, o Socorrão I contará com um espaço com quatro leitos para atendimento especializado de urgências buco maxilares, serviço inédito na rede pública de saúde.

Além disto, está sendo feita a recuperação do telhado, do centro de material, da farmácia e a revitalização das estruturas elétrica e hidráulica de todos os ambientes. A Prefeitura também iniciou a reforma da área vermelha.

.