O Run4unity reuniu mais de 40 jovens em prol da paz mundial em Macapá (Foto: Estevam Eliel/G1)
Com orações, celebrações e atividades esportivas, pelo menos 40 jovens se reuniram neste sábado (7) em Macapá pedindo a paz mundial e o fim de conflitos éticos, sociais e econômicos em todo o planeta. O encontro aconteceu no monumento Marco Zero que fica sobre a Linha do Equador, que divide o Hemisfério Norte e o Hemisfério Sul da Terra.  
O evento, chamado 4ª Corrida pela Unidade (Run4unity), é organizado Movimento Focolares e teve como ponto alto uma corrida em torno do monumento, com direito a passagem de uma réplica da tocha olímpica.

Houve também coreografia de dança, distribuição de panfletos em semáforos e coleta de materiais para divulgação em todo mundo.
Ao meio dia, todos de mãos dadas, realizaram um momento de oração na linha imaginária do Equador, em prol das famílias, das escolas, dos países em guerra e pela paz mundial.

Professor Ramon Santana coordenador daRun4unity em Macapá (Foto: Estevam Eliel/G1)
Segundo um dos coordenadores do encontro, o professor Ramon Santana, Macapá não foi escolhida por acaso para sediar o evento, que acontece também em outras cidades do mundo. A posição privilegiada da cidade e a receptividade dos moradores, contribuíram para a realização das ações, conta ele.

“Assim como está sendo realizado na cidade de Quito no Equador, onde também passa a linha que divide o mundo, Macapá não poderia ficar de fora, pois aqui também existem jovens com propósito de alcançar a paz universal”, acredita o coordenador.
Realizado pela igreja católica anualmente em todo planeta, a “Run4unity” tem como filosofia que todos seja um, não importando a etnia ou religião, o importante é que juntos possam difundir a paz entre os homens.

“Evento sensacional. Sabemos que o mundo não está nada fácil, pois infelizmente tudo se leva pro lado negativo, mas não se pode perder as esperanças, mesmo com todas essas coisas ruins não podemos desistir da paz”, comentou a agente publicitária, Ângela Andrade, participante do encontro.

O Movimento Focolares, surgiu na Itália, no ano de 1943, e tem como fundadora a professora Chiara Lubich. Em Macapá cerca de 70 famílias participam do movimento, com reuniões uma vez no mês na Igreja São Benedito, no bairro Laguinho.

O próximo evento do movimento será no dia 26 de maio, feriado de Corpus Christi, onde será realizada uma jornada no centro Vida Nova, que fica às margens da rodovia JK.
.