Acidente aconteceu no sábado (15) na Zona Leste de Porto Velho (Foto: Richard Nunes/ Arquivo Pessoal)
A Polícia Militar (PM) vai instaurar procedimento administrativo (PAD) contra os policiais militares envolvidos em um acidente que matou um rapaz de 24 anos durante o atendimento de uma ocorrência, na tarde do último sábado (16), no cruzamento da Avenida Alexandre Guimarães e Mamoré, Zona Leste de Porto Velho.
De acordo com o BO, a viatura da PM estava em deslocamento quando o motociclista foi atingido. Com a batida, o carro da PM atingiu mais dois motociclistas que estavam parados na outra avenida.

Segundo o sub-comandante da PM, Clairton Pereira, o caso foi uma fatalidade, mas os PM’s vão responder criminalmente e administrativamente. “Vamos apurar se os policiais atuaram dentro da nossa legislação, as diretrizes da PM, se o giroscópio e a sirene estavam ligados, afinal a movimentação da viatura está toda registrada no sistema”, disse.

Conforme Clairton, a PM forneceu apoio psicológico e social para a família na medida do possível.
O acidente também feriu mais três pessoas que foram levadas para o Pronto Socorro João Paulo II.

“A viatura estava em deslocamento na tentativa de cercar e localizar um veículo furtado, usado por bandidos para cometer outros crimes e o motociclista colidiu de frente com a viatura”, explicou.
Segundo a PM, os policiais pararam imediatamente para socorrer a vítima e solicitaram uma ambulância, mas a pessoa não resistiu e faleceu no trajeto.

Os policiais foram levados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil e vão responder por homicídio culposo de trânsito. Os policiais não foram presos em flagrante.

Segundo o delegado que atendeu o caso, os envolvidos prestaram socorro à vítima e por isso não há necessidade de prisão em flagrante.
.