Um operação da Polícia Rodoviária Federal e Ministério Público do Ceará realizada nesta segunda-feira (16) prendeu quatro suspeitos de integrarem uma quadrilha especializada em assalto de veículos e cargas às margens da BR-116. A Operação Cangaço II é uma continuação das ações iniciadas em 2015 que investigam essa modalidade de crime.
Segundo a PRF, a ação no distrito de Melancias, na cidade de Ocara, desarticulou uma quadrilha que roubava veículos e realizava outros delitos em suas comunidades.

Durante a operação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em residências. Também houve apreensão de 19 pássaros silvestres, uma arma de fogo e 1.

200 litros de óleo diesel armazenados de forma ilegal.
As pessoas detidas foram encaminhadas à Delegacia Municipal de Chorozinho onde foram enquadradas nos crimes de porte ilegal de arma de fogo, crime contra a ordem econômica pela vendailegal do combustível e os crimes ambientais pela guarda, venda e maus tratos de pássaros silvestres, bem como o armazenamento impróprio do óleo diesel.

A operação foi iniciada em virtude de um levantamento para o combate ao roubo de transporte de passageiros e veículos, mas durante o mapeamento dos envolvidos, constatou-se que eles praticavam diversos outros delitos em suas comunidades.
A PRF explica que o nome “Operação Cangaço” remete ao modo de atuação da quadrilha que, além dos roubos aos veículos e cargas, praticava outros delitos nas comunidades onde residiam remetendo à época do cangaço, “onde os bandos aterrorizavam os moradores e imperava a lei do silêncio”.

Polícia prende quatro suspeitos de assaltos às margens da BR-116 no Ceará (Foto: PRF/Divulgação)
.