As pessoas que pretendem tirar a carteira de habilitação em Açailândia, a 600 km de São Luís, estão enfrentando dificuldades para fazer a prova prática de direção.
Como é o caso de uma candidata que prefere não se identificar. Ela diz que está revoltada e se recusa a pagar mais.

“Quando reprovei paguei a muda, tá tudo certinho. Se for para fazer em Imperatriz vou ter que pagar mais cinquenta reais; ainda pagar mais duas aulas de moto e minha passagem de ida e vinda”, reclamou.

Ainda conforme a candidata, outro problema estaria relacionado ao Departamento Estadual de Trânsito no Maranhão (Detran-MA). Ela diz que no órgão não tem previsão para a realização de sua prova de direção para motocicleta e teme ter seu veículo apreendido por conta da ausência do documento.

“A autoescola diz que é problema do Detran, mas eu fui no Detran e eles dizem que é problema do município e ai, fica só fazendo a gente de besta. Eu tenho moto, ando na rua de moto na rua e estou com medo.

Se eu tou correndo atrás é pra andar certinho na rua. ”, desabafou a candidata.

Outro problema é a mudança no local de pista da prova de direção que acabou causando atraso. O novo lugar foi homologado pelo Detran pelo período de três meses.

O prazo termina no próximo dia 18 de maio, mas as provas não estão sendo realizadas.
Os instrutores estão preocupados com a situação, pois sem previsão de prova os candidatos não marcam mais aula.

Pelo menos é o que afirma o instrutor Maximo Santos. Ele diz que dos 30 alunos que possui mais da metade já suspenderam a aulas práticas de motocicleta.

“Teve até alguns que saíram para Imperatriz para fazer fora porque aqui o município não disponibiliza o local para fazer prova prática. Outros que não tem condição para sair fora tá ficando sem condição de fazer a prova e correndo até mesmo o ritmo de perder o processo deles em si”, revelou o instrutor.

O instrutor Maximo Santos também diz que ainda continuam sendo abertos novos processos nas autoescolas em Açailândia. “Eles estão pegando processos e abrindo todos.

Todas as escolas, eles não abrem o processo e o aluno não faz prova da categoria A. Em Açailândia nenhum aluno faz prova na categoria A”, finalizou.

Por meio de nota, o Detran informou que marcação de provas práticas da categoria “A” foram realizados de janeiro a março deste ano, prazo referente ao ofício encaminhado pelo Departamento Municipal de Trânsito de Açailândia que autorizava o funcionamento provisório da pista. O Detran confirmou que é competência do município designar o local de realização das provas práticas enquanto não obtiver resposta definitiva, a marcação das provas práticas da categoria “A”, não poderá ser liberada.

O diretor do Departamento de Trânsito de Açailândia informou que aguarda a doação de um terreno por parte da Prefeitura para construção de uma nova pista e que vai solicitar ao Detran que as provas sejam realizadas na pista provisória por mais 60 dias. Detran não tem previsão para realização de prova para motociclistas em Açailândia (Foto: Reprodução/TV Mirante)
.