Curso realizado para produtores rurais aconteceu em Cacoal (Foto: Magda Oliveira/G1)
Para buscarem inovações e possíveis recursos futuros para suas propriedades, produtores rurais de Rondônia participaram nesta quarta-feira (11) do 1º Fórum do Agronegócio. O evento foi realizado em Cacoal (RO), município a 480 quilômetros de Porto Velho e tratou sobre os diversos setores da cadeia produtiva do estado. O evento foi promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), em parceria com outras instituições.

Seu Arlindo de Morais, de 72 anos, veio de Vilhena (RO) para participar do fórum. Ele trabalha com a produção de hortifrutigranjeiro há 15 anos e conta que já ganhou até medalhas de honra ao mérito do estado nos anos de 2008 e 2009, pela produção e serviço prestado.

Arlindo de Morais, de 72 anos, produtor rural(Foto: Magda Oliveira/G1)
“Apesar de eu já estar com uma idade avançada, eu gosto de sempre aprender sobre as novas técnicas que vem sendo implantadas no setor. Fiz questão de participar deste encontro, pois algumas inovações pretendo implantar na minha propriedade”, disse Arlindo.

O produtor vende seus produtos principalmente para o município de Cacoal.
Segundo o gerente local do Sebrae Desóstenes Nascimento, as seis principais cadeias produtivas do estado foram trabalhadas durante o fórum, sendo piscicultura, café, leite, agroindústria, cacau e hortifrutigranjeiro, dando destaque para o café, que é um setor muito forte no município de Cacoal.

“São essas cadeias que realmente fundamentam a agricultura familiar. Então, nosso propósito é desenvolver uma discussão estratégica, que direcione projetos e programas e soluções de gargalos para o agronegócio”, afirmou o gerente.

No final do fórum foi elaborado um documento que será encaminhado aos órgãos públicos com o objetivo de engrandecer os setores do agronegócio, para que o Sebrae possa criar projetos e programas onde as instituições tenham um único objetivo: fomentar o agronegócio e quem sabe captar recursos para que essas ações possam ser colocadas em prática.
.