Público pode conferir aulas e atendimentos gratuitos durante o evento neste sábado (7) (Foto: Indiara Bessa/G1 AM)
O Centro de Convivência da Família Magdalena Arce Daou – localizado na Avenida Brasil,  bairro Santo Antônio, Zona Oeste de Manaus recebeu, neste sábado (7) mais uma edição do Saúde na Rua. O evento ocorreu durante toda a manhã oferecendo serviços básicos de saúde gratuitos à população.
Com o tema ‘Somos Todos Especiais’, evento teve foco para as necessidades de pessoas com deficiência.

Dentre as atividades, o público pode contar com aulas de dança, oficina de culinária, natação, hidroginástica, atendimentos médicos como dermatologia, oftalmologia, podologia, ortopedia, entre outros serviços oferecidos gratuitamente.
O vigilante Paulo Cézar Freitas, de 42 anos, levou a filha Stephane Sophia, de dois anos para participar do evento.

Segundo ele, Saúde de Rua é oportunidade de oferecer serviços à filha, portadora da Síndrome de Down. O vigilante Paulo Cézar Freitas levou a filha, de dois anos, para participar do evento (Foto: Indiara Bessa/G1 AM)
“Fui informado desse evento por meio das redes sociais e da televisão e decidi vir.

Trouxe ela [filha] para usar os atendimentos em cima da área dela. A gente procura hidroginástica, fisioterapia e outros atendimentos voltados para ela.

Esse evento é grandioso e precisa ter mais”, afirmou.
O evento também ofereceu serviços em homenagem ao Dia das Mães, comemorado neste domingo (8).

No local, dezenas de mulheres aproveitaram atendimentos estéticos como depilação de sobrancelha, buço e esmaltação.
E para usufruir desses atendimentos voltados ao público feminino, a Maria de Fátima Gomes, de 46 anos, fez questão de comparecer pela segunda vez ao Saúde de Rua.

“Participei uma vez na Ponta Negra para fazer aula de aeróbica, hoje eu vou fazer a unha, o cabelo e a sobrancelha,vim para fazer os três. O evento tá ótimo!”, afirmou ao G1.

Tema ‘Somos Todos Especiais’; destacou importância para inclusão de pessoas portadoras de necessidades especiais (Foto: Indiara Bessa/G1 AM)Aula de tecido acrobático pregou a atenção das crianças no evento (Foto: Indiara Bessa/G1 AM)
.