Operação Lei Seca foi realizada na avenida Sete de Setembro em Porto Velho (Foto: Hosana Morais/G1)
Cinco homens e duas mulheres foram presos por embriaguez na direção durante Operação da Lei Seca realizada na madrugada desta sábado (14), na avenida Sete de Setembro, Centro de Porto Velho. A blitz foi executa pela Companhia Independede Trânsito da Polícia Militar (PM) juntamente com o Departamento de Trânsito de Rondônia (Detran-RO). Em outro caso um jovem de 23 anos causou um acidente por dirigir embriagado.

Em um dos casos, uma oficial da PM foi presa na blitz, a mulher se recusou a fazer o teste do bafômetro, porém informou aos policiais que havia ingerido bebida alcoólica. O oficial de plantão do Departamento de Polícia (DP), a qual a oficial pertence, foi acionado pelos policiais.

Logo depois ela foi levada a Central de Flagrantes. Outras duas pessoas também se recusaram a fazer o teste na blitz.

 
De acordo com a PM, um motorista de 23 anos foi preso após causar um acidente na avenida Raimundo Cantuária com rua Panamá. Segundo o boletim de ocorrência, o jovem colidiu com outro veículo e uma das passageiras se machucou.

A PM foi acionada pelo outro motorista envolvido na colisão que solicitou o teste do bafômetro. Já no do jovem que causou o acidente também realizou o teste do bafômetro que apontou 0,89 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões.

Todos os motoristas presos por embriaguez na direção foram levados a Central de Flagrantes. Lei SecaÉ considerado crime quando o motorista é flagrado conduzindo veículos com índice de álcool no sangue superior a 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido ou 6 decigramas por litro de sangue.

A pena pode variar de 6 meses a 3 anos de detenção, multa e suspensão temporária da carteira de motorista ou proibição permanente de obter a habilitação. O Código de Trânsito Brasileiro estabelece multa de R$ 1.

915,40, além de 7 pontos na carteira. Os condutores também têm a CNH apreendida.

Se o motorista tiver cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores, o valor da multa é dobrado.
.