Suspeitos descartam objetos de roubo e furtos em mata de parque, Porto Velho (Foto: Matheus Henrique/G1)
A Polícia Militar (PM) faz um alerta sobre o alto número de furtos e roubos que tem acontecido no Parque Circuito, em Porto Velho. De acordo com a PM, o horário que os crimes mais ocorrem é entre 14h e 16h, quando o parque tem um fluxo baixo de frequentadores e jovens e adolescentes passeiam pelo local. Em alguns lugares, é possível encontrar diversos objetos pessoais jogados ao chão, considerados possíveis descartes de criminosos.

Na beira da trilha que dá acesso para mata, pode-se encontrar muitos objetos pessoais como bolsas, uniformes, documentos e outros. A PM acredita que os objetos são frutos de furtos e o que é considerado inútil pelos suspeitos é jogado fora após os crimes.

O matagal dá acesso a outro bairro, o que pode facilitar a fuga. Sofás estão jogados na trilha do Parque Circuito,em Porto Velho (Foto: Matheus Henrique/G1)
“Os suspeitos esperam um momento de fragilidade para realizar os assaltos.

As pessoas têm que evitar locais desprotegido e isolado. A Polícia sempre está patrulhando, porém, os criminosos aproveitam os momentos que tem poucas pessoas e que os visitantes estão desatentos”, explica Cabo Nilson, da Polícia Militar.

Segundo um segurança do parque que não quis se identificar, o local é um ponto de encontro de muitos jovens e adolescentes, que se tornam alvos fáceis para os criminosos, que ficam escondidos dentro da mata, esperando o momento certo para roubar. “Os criminosos se escondem na mata e observam as vítimas antes de agir”, afirma.

O horário de funcionamento do parque é das 5h às 19h.
.