Materiais auxiliam professores na alfabetização por meio de jogos (Foto: Carlos Alberto Jr/G1)
Ensinar brincando é o objetivo do projeto Trilhas da Leitura, cujo material vai auxiliar a capacitação dos professores do ensino fundamental, em Macapá. Cerca de 150 profissionais participaram de um encontro nesta segunda-feira (25), para conhecer a iniciativa que já é desenvolvida nas escolas do município.
Criado pela empresa de comésticos Natura em parceria com as prefeituras municipais do pais, o projeto é um incentivo à leitura, escrita e oralidade.

São jogos educativos, cadernos de orientação do educador, cartelas para atividades, além de vários títulos literários disponíveis para o ensino em sala de aula. Coordenadora regional do projeto, Minelva Reis(Foto: Carlos Alberto Jr/G1)
De acordo com a coordenadora regional do Trilhas da Leitura, Minelva Reis, desde que a prefeitura aderiu ao projeto, em 2012, o benefício não foi somente dos alunos.

“Desde a implantação no município, notamos que esse trabalho não beneficia só os alunos, mas também capacita os professores. Porque a nossa literatura é muito rica, e com o auxílio desse material, os educadores podem explorar mais, tanto o imaginário das crianças, quanto o deles mesmos”, ressaltou.

Além do material, o projeto também conta com um portal na internet onde os educadores podem acessar a um acervo de livros e textos para auxiliar no ensino. A ferramenta possibilita a interação de profissionais de todo o país na discussão de técnicas de ensino.

A professora Rosangela Duarte, de 43 anos, participa do projeto desde a edição de 2014. Ela contou que o Trilhas “abriu seus horizontes”.

“Confesso que tinha um certo padrão de ensino e ele era meio confortável para mim, mas vi que por meio desse material e as técnicas nele apresentadas, que meus alunos ficavam mais interessados. Com o tempo isso me animou também, agora exploro mais os gêneros literários e os alunos aprendem brincando”, contou, empolgada.

Material foge do padrão didático e usa brincadeiras para incentivar a leitura (Foto: Carlos Alberto Jr/G1)Projeto Trilhas de LeituraO Trilhas de Leitura teve início em 2009, mas foi em 2011 que ganhou notoriedade ao ser reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC) como um projeto educativo eficaz para ser implementado como política pública junto às metodologias e projetos de alfabetização já desenvolvidos nas escolas públicas. Em 2012, o material foi distribuído para as escolas de municípios considerados prioritários pela política do MEC.

.