Em 60 dias, projeto de financiamento coletivo arrecadou pouco mais de R$ 4,8 mil, o equivalente a 16% da meta de R$ 29,3 mil (Foto: Reprodução / Internet)
Mesmo longe de atingir a meta de R$ 29,3 mil, a campanha de financiamento coletivo pela internet para auxiliar o projeto “Um Chute para o Futuro”, de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, será encerrada nesta terça-feira (20). Em 60 dias, foram doados pouco mais de R$ 4,8 mil.
No sistema de financiamento do site escolhido para a campanha, quando o valor estabelecido não é alcançado, o dinheiro é devolvido aos doadores.

Caso, estas pessoas continuem com a intenção de ajudar ou outras desejem colaborar com a iniativa, podem entrar em contato com o responsável pelo projeto, o líder comunitário Ronaldo Cleber Cáceres.
O recurso levantado deverá ser usado para aumentar o espaço físico onde são acolhidas as crianças e adolescentes atendidos pelo projeto.

A proposta é reformar duas salas multiuso, um depósito para alimentos e materiais de limpeza, e um espaço para cursos de costura, além de obras de acessibilidade. O trabalho também será feito com a ajuda de voluntários.

O projetoDepois de perder o irmão para o tráfico de drogas, o professor de educação e líder da comunidade local iniciou em 2004 um trabalho voltado a crianças e adolescentes do Bairro Porto Belo, onde mora, na região norte da cidade. O alvo são meninos e meninas com idade entre 2 e 16 anos e que estejam em situação de vulnerabilidade social.

Eles são incentivados, por meio do esporte, a buscar um futuro melhor.
No início as aulas eram apenas de futebol.

Atualmente, são oferecidas aulas de cidadania, natação, artes, música e reforço escolar.
Em 2014, o apresentador Luciano Huck reformou parte do local no quadro “Um por todos e todos por um”, do programa Caldeirão do Huck.

Com a visibilidade, o projeto ganhou notoriedade e, consequentemente, mais procura. No total, são cerca de 270 atendidos.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (45) 3577-9763.
.