Em Macapá, foram distribuídas mais de 77 mil doses (Foto: Carlos Alberto Jr/G1)
A Coordenadoria de Imunização de Macapá informou que após quatro dias de campanha foram esgotadas na quarta-feira (13), nos postos de saúde, as mais de 77,3 mil doses da vacina contra a gripe H1N1. A alta procura surpreendeu as expectativas e a prefeitura informou que vai realizar um novo pedido ao Ministério da Saúde nesta quinta-feira (14).
O órgão explicou que a quantidade enviada para a capital foi calculada pelo próprio Ministério, e até o momento não se tem previsão do número de doses que Macapá vai receber.

O pedido é feito pela Coordenadoria Estadual de Imunização, que repassa as vacinas para os municípios.
De acordo com Jorsette Cantuária, responsável pela vacinação na capital, as doses foram esgotadas apenas com aplicação nos grupos prioritários: crianças de seis meses a cinco anos de idade, idosos a partir dos 60 anos, gestantes, mulheres que tiveram filhos nos últimos 45 dias, pessoas com doenças crônicas, presidiários e indígenas.

As pessoas que figuram entre os grupos prioritários e ainda não se vacinaram devem aguardar a chegada das doses ou o dia nacional da campanha, marcado para 30 de abril. “Nos surpreendeu muito, uma campanha que às vezes a gente passa um mês para atingir enceramos as doses em quatro dias.

Tivemos uma procura grande da população”, completa.
A campanha nacional foi antecipada no Amapá em função da primeira morte registrada pelo vírus no estado, em um bebê de seis meses, divulgada pelo governo estadual em 5 de abril.

Foram enviadas pelo Ministério um total de 177 mil doses para distribuição entre os 16 municípios.
.