Mergulhada na seca e em um calor abrasador há semanas, a Tailândia recebeu com alegria a previsão dos búfalos sagrados de uma temporada de fortes chuvas e, consequentemente, de boas colheitas.
Presidida pelo príncipe herdeiro Maha Vajiralongkorn, a cerimônia real, durante a qual o anúncio foi feito, marca o início da temporada de cultivo do arroz.
Colocados diante de vários recipientes de comida, estes animais, cuidadosamente selecionados por seu temperamento e atributos físicos, escolheram o arroz, o gergelim, o feno, a água e o álcool.

Uma mistura que significa “chuva suficiente, colheitas abundantes e melhores exportações”, de acordo com o ministério da Agricultura.
No ano passado, os búfalos previram uma boa estação de chuvas e de colheitas.

Contudo, o ano registrou poucas precipitações substanciais.
Como a maioria dos países da região do Grande Mekong, a Tailândia tem sofrido com uma seca severa.

Quase todas as reservas estão em um nível historicamente baixo, depois de um 2015 com pouca chuva.
Neste contexto, a junta no poder há quase dois anos proibiu os agricultores de plantar arroz na estação seca, o que levou a uma redução acentuada na produção, de cerca de 30%, para 25 milhões de toneladas.

.

Fonte: G1