Ao menos 73 pessoas morreram em combates que ocorrem desde quarta-feira (4) na periferia sul da cidade de Aleppo, no norte da Síria, para onde foram transferidos os enfrentamentos entre as forças governamentais e facções armadas como a Frente al-Nusra (al-Qaeda), após o início da trégua, informou nesta sexta (6) o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).
A ONG detalhou que pelo menos 43 combatentes de grupos armados e 30 efetivos do regime sírio morreram nesses confrontos.
A Frente al-Nusra e outras facções rebeldes como Jund al-Aqsa e os Livres de Sham lançaram ofensiva no sul de Aleppo, na qual tomaram o controle dos povoados de Khan Tuman, Abu Ruil e Jirbet Hajj Azu, e de dois montes.

.

Fonte: G1