O ex-presidente do Burundi Jean-Baptiste Bagaza morreu nesta quarta-feira 94) aos 69 anos em um hospital de Bruxelas, na Bélgica, onde recebia tratamento médico, informou o governo burundinês.Jean-Baptiste Bagaza governou o país entre 1976 e 1987 (Foto: Reprodução/YouTube/Burundi-Express)
Em comunicado, as autoridades transmitiram suas condolências à família de Bagaza, que esteve à frente do país entre 1976 e 1987.
O coronel Bagaza chegou ao poder após liderar um golpe de estado no qual derrubou o tenente-general Michel Micombero e, em 1987, teve que se exilar depois que o comandante tutsi Pierre Buyoya protagonizou outro golpe enquanto ele estava no Canadá.

Após sua derrocada, Bagaza se exilou do país e não voltou até que foram realizadas as primeiras eleições democráticas em 1993, quando voltou à vida política com o Partido pela Recuperação Nacional (PARENA).
O coronel Bagaza ainda é recordado por ter modernizado o Burundi e durante seu mandato realizou a maior construção de infraestruturas da história do país, como estradas, hospitais e escolas.

.

Fonte: G1