Esta lista tem atualizações até o fim do dia. Acompanhe.
O Supremo suspendeu o julgamento da dívida dos estados com a União e deu 60 dias para as partes chegarem a um acordo.

Os débitos com o governo federal são calculados por juros compostos, mas os estados querem pagar juros simples – o que diminuiria drasticamente a dívida.
Antes da suspensão, o ministro Edson Fachin, relator do caso, votou contra os estados.

Evolução da taxa de juros básica da economia, a Selic, que permanece em 14,25% (Foto: Editoria de Arte/G1)
Em decisão unânime, o Comitê de Política Monetária manteve a Selic em 14,25% ao ano – o maior patamar em uma década. Foi a 6ª manutenção seguida da taxa básica de juros da economia brasileira pelo Banco Central.

Veja a repercussão.
Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) recebeu o vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), e Aécio Neves (PSDB-MG) em sua residência oficial.

Eles discutiram o impeachment da presidente Dilma Rousseff. Ontem, se reuniu com Lula e, depois, Dilma.

Marcelo Castro (Saúde) é o 6º ministro do PMDB a deixar o governo. Com a saída, Kátia Abreu (Agricultura) se torna a única peemedebista na Esplanada dos Ministérios.

Dilma afirmou em discurso que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), é o “pecado original” – em referência ao processo de impeachment no Congresso.
A comissão de impeachment no Senado vai ouvir os autores do pedido de impechment de Dilma amanhã, a defesa da presidente na sexta e especialistas na segunda e terça.

O ator Cauã Reymond; segundo o IBGE, o nome ‘Cauã’ cresceu 3.900% nos anos 2000 (Foto: TV Globo)
Você sabe quantas pessoas no Brasil têm o mesmo nome que você? Quantas se chamam “MacGyver”, “Pelé” ou “Ayrton”? O IBGE divulgou pela 1ª vez os nomes mais comuns no país.

Maria (11,7 milhões) e José (5,7 milhões) continuam os preferidos, mas disparou a escolha por nomes de celebridades como o ator Cauã Reymond e o ex-jogador de futebol argentino Riquelme.Veja sete curiosidades sobre os nomes no Brasil e clique aqui para ver a lista completa.

A frente fria trouxe temperaturas negativas em SC, São Joaquim registrou a tarde mais fria de abril em 24 anos na Serra Catarinense. RS e PR tiveram as menores temperaturas do ano e Cuiabá teve sensação térmica de 10ºC.

No litoral de SP, 2 balsas com 14 pessoas tiveram de ser rebocadas após ficarem a deriva por cerca de 6h no mar. Em Santos, a ressaca destruiu muretas na orla e a água invadiu a avenida da praia (veja vídeo).

O ator Umberto Magnani, de 75 anos, morreu no Rio. Ele interpretava o Padre Romão na novela “Velho Chico”, da Globo, e estava internado desde segunda, após sofrer um acidente vascular encefálico (AVE) hemorrágico no dia do seu aniversário.

A cidade natal do ator decretou 3 dias de luto. Ele será velado em São Paulo nesta quinta e depois em Santa Cruz do Rio Pardo, no interior.

 Veja a repercussão da morte.Investigado, Fernando Padula assumiu a coordenação do Arquivo do Estado (Foto: GloboNews/Reprodução)
Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB) nomeou Fernando Padula, investigado na fraude da merenda e ex-chefe de gabinete da Secretaria da Educação do Estado, como coordenador do Arquivo Público de SP.

Padula nega a acusação de ser receptor de propina.
A Câmara Municipal de SP adiou a votação do projeto de lei que deve regulamentar aplicativos de compartilhamento de carros, como o Uber, e de caronas.

Um funcionário da Câmara foi ferido por rojão durante protesto de taxistas antes de a votação ser adiada.Salah Abdeslam, acusado de assassinato terrorista pelos ataques em Paris (Foto: Reprodução/GloboNews)Salah Abdeslam foi acusado de assassinato de caráter terrorista na França.

Extraditado da Bélgica para a França, ele é suspeito de ter exercido papel central nos atentados de 13 de novembro em Paris, que mataram 130 pessoas, e é o único sobrevivente dos terroristas.Faltam 100 dias para as Olimpíadas do Rio de Janeiro (Foto: Editoria de Arte/G1)
A 100 dias das Olimpíadas do Rio, o G1 mostra em que pé estão os projetos de infraestrutura e mobilidade prometidos para os Jogos e também 10 lugares para praticar esporte na cidade.

A Anistia Internacional criticou a segurança pública do Rio e fez um levantamento de 11 pessoas mortas pela polícia em abril. Em 2015, foram 307 pessoas só na capital.

Quer saber mais? Veja as principais notícias do G1 nesta quarta (27).
.

Fonte: G1