Esta lista tem atualizações até o fim do dia. Acompanhe.Janot denunciou Lula ao STF.

A denúncia faz parte do inquérito que investiga a tentativa de evitar a delação do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró. O procurador-geral da República acusou também o empresário José Carlos Bumlai e seu filho Maurício Bumlai.

Além da denúncia, Janot pediu ao Supremo para investigar Lula, 3 ministros do governo Dilma (Jaques Wagner, Ricardo Berzoini e Edinho Silva) e mais 27 pessoas, entre políticos, ex-ministros, lobistas, doleiros e empresários, todos citados em delação premiada. Veja a lista.

Já a mulher, um dos filhos e a nora de Lula pediram indenização por danos morais pela divulgação de conversas telefônicas interceptadas na Lava Jato. Cada um pede R$ 100 mil.

E a PF indiciou o ex-senador Gim Argello por corrupção e o empresário Ronan Maria Pinto por lavagem de dinheiro – presos na 28ª e na 27ª fase da Lava Jato, respectivamente.Janot disse ao Supremo que Cunha era “um dos líderes” de célula criminosa que atuava em Furnas, uma das maiores subsidiárias da Eletrobras.

A declaração está no pedido de inquérito para investigar, além de Cunha, Aécio e Edinho Silva, divulgado ontem.
A Rede Sustentabilidade pediu ao STF o afastamento imediato de Cunha da presidência da Câmara.

O pedido de Janot, feito em dezembro, segue sem previsão de julgamento.
A comissão especial de impeachment no Senado ouve especialistas convidados por aliados do governo.

Eles afirmaram que Dilma não cometeu nenhum crime.
Por 13 votos a favor, nenhum contra e 1 abstenção, o Conselho de Ética do Senado aprovou relatório que pede a cassação do mandato do senador Delcídio do Amaral (sem partido-MS).

Fotógrafo registra impactos da lama da Samarco no Rio Doce (Foto: Leonardo Merçon/Últimos Refúgios)O Ministério Público Federal pede R$ 155 bilhões de indenização da Samarco, da Vale e da BHP pela tragédia causada pelo rompimento de barragens de rejeitos em Mariana (MG). Marcel Maia Montalvão, juiz responsável pela decisão que bloqueou o Whatsapp no Brasil (Foto: BBC)
O WhatsApp voltou a funcionar no Brasil após mais de 24h de bloqueio.

Conheça o “Sérgio Moro de Lagarto”, o juiz que bloqueou o aplicativo e é ídolo na pequena cidade sergipana.
Antes de o “zap zap” voltar a funcionar, internautas inundaram a página pessoal do juiz no Facebook com os mais inusitados pedidos: “Migo, seu loko, devolve o Whats” (e outros).

A presidente Dilma Rousseff acende a pira olímpica ao lado de Fabiana Claudino, jogadora e capitã da seleção de vôlei, que iniciou o revezamento da tocha olímpica em Brasília (Foto: Ueslei Marcelino/Reuters)
“Espírito olímpico a bordo, mantenho 380. É um prazer chegar no Brasil”, anunciou o piloto do voo que trouxe a tocha olímpica ao Brasil (confira o áudio).

A bi-campeã olímpica e jogadora de vôlei Fabiana abriu o revezamento, que contou também com pesquisadores e refugiados.Grupos pró e contra o impeachment de Dilma protestam no revezamento, e a presidente disse que, mesmo com “instabilidade política”, a Olimpíada será um “sucesso”.

A 2ª versão da Base Nacional Curricular Comum (BNCC) foi apresentada pelo Ministério da Educação (MEC), que revisou polêmicas sobre história e português. O objetivo do documento é determinar conteúdos mínimos para alunos da educação básica no Brasil.

Estudantes protestam no plenário da Assembleia Legislativa de São Paulo (Foto: TV Globo/Reprodução)Estudantes invadiram o plenário da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) para pedir uma CPI para investigar a fraude na merenda.
A Justiça marcou reunião de conciliação entre o governo Geraldo Alckmin (PSDB) e estudantes que ocupam o Centro Paula Souza e Etecs (escolas técnicas estaduais).

Quer saber mais? Veja as principais notícias do G1 nesta terça (3).
.

Fonte: G1