Policiais se na frente da estação de ônibus Greyhound, em Richmond (Foto: Dean Hoffmeyer / Richmond Times / via AP Photo)
Um tiroteio em um terminal de ônibus em Richmond, no estado da Virgínia, na costa leste dos Estados Unidos, deixou nesta quinta-feira (31) dois mortos e dois feridos, informaram agentes da polícia estadual.
Os mortos são o autor dos disparos, que foi abatido pela polícia, e o agente Chad Dermyer, de 37 anos, que foi ferido e morreu no hospital para o qual foi transferido após o incidente, afirmou o chefe de polícia da Virgínia, Steven Flaherty.
O incidente aconteceu às 14h45 locais (16h45 de Brasília) em um terminal de ônibus de Richmond, a capital da Virgínia, onde alguns agentes estavam realizando exercícios de treinamento, quando um homem armado se aproximou, sacou a arma e atirou várias vezes, detalhou Flaherty.

Duas mulheres, uma delas uma atleta da Universidade de Binghamton (Nova York), se dirigiam para um centro de educação superior de Williamsburg (Virgínia) quando ocorreram os disparos e acabaram sofrendo ferimentos, segundo descreveu a polícia da Virgínia.
O autor dos disparos foi abatido pelas forças de segurança e morreu em um hospital da região, informou a polícia do estado.

O policial falecido era casado, tinha dois filhos, era natural da cidade de Jackson, no estado de Michigan, e tinha se especializado na luta contra o terrorismo. “Esta foi uma noite dura, uma tarde difícil.

É uma tragédia”, destacou Flaherty.
Richmond é a capital da Virgínia, tem 220 mil habitantes e fica a 170 km a sudeste da capital Washington.

.

Fonte: G1