Operador observa desempenho das ações na NYSE, nos EUA (Foto: Lucas Jackson / Reuters)
As bolsas dos Estados Unidos fecharam em forte queda nesta sexta-feira (24), após o referendo que decidiu pela saída do Reino Unido do bloco econômico da União Europeia. Os investidores de Wall Street seguem o mau humor de mercados da Europa e Ásia, que desabaram após serem surpreendidos com a vitória da Brexit.ENTENDA OS IMPACTOS ECONÔMICOS DA ‘BREXIT’
O índice Dow Jones perdeu 3,39% e o Nasdaq 4,12%.

O S&P 500 recuou 3,60%.
Na véspera, as bolsas norte-americanas haviam fechado em alta, com pesquisas apontando até então para uma possível vitória da permanência do Reino Unido no bloco.

Outras bolsasAlgumas das bolsas da Europa fecharam em queda de mais de 12%, com a Espanha registrando a maior desvalorização diária de sua história. As ações de bancos ficaram entre as principais perdas do dia no continente.

Os mercado asiáticos também fecharam em forte queda. A bolsa de Tóquio despencou 7,92%.

No Brasil, a Bovespa registrava queda em torno de 3%, e o dólar chegou a disparar mais de 3% frente ao real nesta sexta, voltando a operar acima de R$ 3,40 mais cedo. A moeda chegou a R$ 3,45 na máxima da sessão, alta de 3,15% e equivalente a mais de R$ 0,10, segundo a Reuters.

Veja como fecharam os principais mercados do mundo:Japão: índice Nikkei desabou 7,92%.Hong Kong: índice Hand Seng caiu 2,92%.

China: em Xangai, o SSEC perdeu 1,33%.Coreia do Norte: o índice KOSPI caiu 3,09%.

Taiwan: o TAIEX registrou baixa de 2,3%.Austrália: o índice S&P/ASX 200 recuou 3,17%Alemanha: em Frankfurt, o índice DAX caiu 6,82%.

França: em Paris, o índice CAC-40 perdeu 8,04%.Itália: em Milão, o índice Ftse/Mib teve queda de 12,48%.

Espanha: em Madri, o índice Ibex-35 registrou queda de 12,35% – a maior de sua história.Portugal: em Lisboa, o índice PSI20 caiu 6,99%.

Inglaterra: em Londres, o índice Financial Times fechou em queda de 3,15%.
.

Fonte: G1