Café brasileiro é consumido em 127 países (Foto: Reprodução / TV Globo)
O café brasileiro faz sucesso não só nacionalmente. O Brasil exportou 35 milhões de sacas do produto no último ano (na safra de julho de 2015 a junho de 2016) gerando uma receita de US$ 5,3 bilhões. Os dados são do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), que apontou ainda um crescimentos nas exportações do café arábica, que possuem aroma e doçura intensos com muitas variações de acidez, corpo e sabor.

Principais destinosO café brasileiro foi consumido por 127 países no último ano. Os EUA lideram o ranking de países que mais importam o café produzido por aqui, com mais de sete milhões de sacas compradas de nossos produtores.

Em seguida vem a Alemanha, que já é a maior consumidora do café brasileiro lá fora no ano safra de 2016. Itália ocupa o terceiro lugar com 2,9 milhões de sacas compradas.

Ainda segundo a Cecafé, o Japão vem aumentando seu consumo do café brasileiro nos últimos anos e importou mais de um milhão de sacas no último ano.Safra cheiaO ano de 2016 é ano de “safra cheia”, como dizem os produtores.

Isso se dá porque a cultura do café é bienal: um ano produz bem, no seguinte descansa. A expectativa é de que no ciclo que vai de julho de 2016 a junho de 2017 o Brasil produza acima de 53 milhões de sacas.

O Brasil é o maior produtor de café do mundo e no último ano produziu 49 milhões de sacas. Seguido de Vietnã, que produziu 29 milhões de sacas, e da Colômbia, com 13 milhões de sacas.

Brasil é o maior produtor de café (Foto: Léo Junior/ Seag)
.

Fonte: G1