Em um ano, a intenção do brasileiro de comprar eletroeletrônicos caiu pela metade, segundo aponta pesquisa da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).Intenção de comprar carro cai pela metade, diz ACSP. (Foto: Divulgação)
Em março, apenas 16% dos entrevistados disseram “estar à vontade” para fazer esse tipo de compra, contra 31% no mesmo período de 2015.

Nessa pesqiuisa, foram ouvidos consumidores de todas as regiões brasileiras sobre a intenção de consumirem e de suas percepções quanto à situação financeira e emprego.A intenção de comprar itens de maior valor, como imóveis e carros também recuo de março de 2014 para março de 2015, passando de 23% para 10%.

“Observam-se grandes variações nesses indicadores na comparação com março de 2015. Esse pessimismo no consumo é reflexo da piora da perceção do consumidor em relação à sua situação financeira e ao seu emprego”, avalia Alencar Burti, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de Sãoo Paulo (Facesp), por meio de nota.

“Uma mudançaade governo não garante que os problemas do Brasil vão se resolver automaticamente. Será necessário muito trabalho para que se possa iniciar a retomada de crescimento da economia” brasileira”, complementa Burti.

.

Fonte: G1