O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki afastou o Ex-Presidente da Câmara do Deputados, Eduardo Cunha do mandato. O pedido de afastamento da Procuradoria-Geral da República foi concedida ainda na manhã desta quinta feira (5), alegando a utilização de seu cargo como arma para atrasar e dificultar as investigações contra ele próprio.Cunha havia virado réu ainda em 2015 pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e participação no esquema de corrupção da Petrobras.O agora EX-Deputado está sendo investigado na operação Lava Jato. O Deputado Waldir Maranhão do PP-MA, que também é investigado pela Lava Jato assumirá o lugar deixado por Eduardo.