Os presentes e serviços mais procurados para o Dia dos Namorados subiram, em média, 6,93% de junho de 2015 para maio de 2016, segundo levantamento do economista André Braz, da Fundação Getúlio Vargas (FGV).
Apesar do aumento dos preços, a alta ficou abaixo da inflação do período, que ficou em 9,15% no mesmo período, segundo o Índice de Preço do Consumidor da FGV (IPC/FGV).
Mesmo a média avançando menos, o levantamento mostra que alguns itens subiram mais que a inflação média, como teatro (24,90%), show musical (20,50%), bicicleta (13,30%), cinema (9,92%) e bares e lanchonetes (9,44%).

Já outros pordutos ficaram mais baratos, como máquina fotográfica ou filmadora (-2,10%) e calçados femininos (-0,18%).Levantamento mostra variação de preços de presentes para o Dia dos Namorados em 1 ano (Foto: Divulgação)
.

Fonte: G1